Sua Estratégia precisa de uma Estratégia - Martin Reeves

   

Título: Sua Estratégia precisa de uma Estratégia
Autor: Martin Reeves, Knut Haanaes & Janmejaya Sinha 
Tradução de: Your Strategy needs a Strategy
Editora: DVS 
Ano: 2015
Páginas: 296
ISBN/EAN: 9-788582-891100

Estratégia virou moda. 

No mundo dos negócios, tudo é Estratégico ou uma Estratégia. Muitas vezes, justamente porque uma organização não tem nenhuma Estratégia consistente, sai atirando para tudo quanto é lado, trocando objetivos com estratégia, desejos com diferenciação, fins por meios, etc. E o pior, muitas vezes definem objetivos ou caminhos contraditórios, antagônicos: "ser o maior do mercado" vs "ter a maior lucratividade por unidade", "dominar o mercado de massa" vs "diferenciar-se com uma proposta de valor premium" e coisas assim. Querem ser tudo, mas não propõe nada, nada consistente.




Em Sua Estratégia precisa de uma Estratégia, os autores - altos Executivos do Boston Consulting Group - propõe um método simples de diagnóstico de situação e cinco possíveis Estratégias decorrentes desse diagnóstico.


É um fato: nem toda Industria é igual. Cada Setor Econômico tem suas próprias características e dinâmicas. Muitos são os casos de insucesso de Executivos que se dão bem em uma Indústria, mas quando migram, falham, principalmente porque não compreendem corretamente o Ambiente Competitivo dessa nova Industria ou Setor e por consequência acabam adotando estratégias inadequadas, normalmente replicando estratégias usadas no seu Setor de origem. Isso é muito comum e frequente, porque é humano, é natural, tentar solucionar problemas similares com o que temos na memória, na caixa de ferramentas da experiência pessoal. A questão é que erramos no diagnóstico do Ambiente Competitivo com muita frequência.

Segundo os autores, são 3 características que determinam o Ambiente Competitivo de um Setor: Previsibilidade, Maleabilidade e Adversidade. A intensidade de cada um desses três fatores determina qual o tipo.

Portanto seriam 5 os Ambientes Competitivos e suas respectivas Estratégias:


1. Clássico - previsível e imutável
> Estratégia: seja grande
Muda pouco, se molda pouco. Portanto busque ser o maior aperfeiçoando-se cada vez mais. Como o ambiente muda pouco, você sabe quais os pontos críticos e essenciais para vencer. Busque ser o melhor nesses pontos, cada vez melhor. Como não deve mudar tão facilmente, o mercado naturalmente vai te fortalecer a posição se você der o que o mercado demanda. 
É o ambiente 'clássico' dos livros universitários. Usando tudo que se aprende nas escolas de negócios - 5 Forças de Porter, Oceano Azul, Matriz BCG, etc - a estratégia funciona.
Exemplos de setores/marcas clássicas: Petróleo, Bens de Consumo. P&G, Mars.

Mas infelizmente nem todo setor/indústria é clássico. Vejamos os demais tipos.

2. Visionário - previsível e mutável
> Estratégia: seja o primeiro
Muda pouco, mas se molda fácil. Uma coisa é certa: vai mudar. Portanto quem toma a iniciativa da mudança, leva muita vantagem.
Ex: Internet nas Nuvens. Logística para eCommerce. Amazon, FedEx.

3. Moldador - imprevisível e mutável
> Estratégia: seja o maestro
Muda, mas se molda fácil. Orquestre as mudanças, influencie o mercado para que as mudanças sejam no sentido que te dão vantagens. Se você já sabe que o ambiente sempre muda, tente influenciá-lo a mudar a seu favor, que passe a valorizar aspectos nos quais você é o mais forte.
Ex: Software em geral, Aplicações para Smartphones. Apple, Facebook.

4. Adaptador - imprevisível e imutável
> Estratégia: seja rápido
Muda, mas se molda pouco.  Não precisa ser o primeiro, porque o setor é muito imprevisível. Então a vantagem está em esperar muito atento: quando a mudança vier, seja rápido, entre na onda da mudança e tire vantagem o mais rápido possível. Mas não se acomode então, porque logo logo o ambiente muda de novo. Não se apaixone com a situação.
Ex: Semicondutores, Varejo Textil. Zara.

5. Renovador - adverso, mesmo mudando e surpreendendo.
> Estratégia: seja viável
Tudo é muito adverso. Independente da Previsibilidade ou da Flexibilidade, o Setor passa por dificuldades externas, macroeconômicas, circunstanciais. É um ambiente temporário. Passada a fase adversa, muda para um dos 4 ambientes anteriores. Nesse caso, apenas sobreviva, permaneça vivo, viável. Corte custos, mantenha a lucratividade, abra mão de clientes deficitários, por maiores que sejam.
Ex: Setor Bancário e Automobilístico após a última crise financeira.

O quadro abaixo, elaborado pelo BCG para a Harvard Business Review, ilustra como alguns dos principais Setores se encaixam na classificação: 




Até ai, tudo bem. Basta entender em qual tipo de ambiente o seu setor está e mandar ver na estratégia certa. Correto? Sim, mas... o maior problema é que a maioria das empresas e executivos não sabem em qual tipo de ambiente operam ou pior!, nem querem saber, pois estão 'programados' mentalmente para agir como se o mercado fosse Clássico, imutável. Daí começam seu plano estratégico pelo final, ou seja, primeiro impõe metas, depois se viram para achar um caminho. Tudo errado! O correto seria primeiro investigar em qual tipo de Ambiente o seu setor se encontra hoje (pois ele pode mudar de um para outro, ou simplesmente ficar Adverso), para dai escolher o estilo de estratégia e logo estabelecer metas.

Caminho errado
1) Estabelecer Metas
2) Analisar o Ambiente de Mercado atual
3) Identificar Obstáculos
4) Formular Estratégias para superar os Obstáculos

Caminho correto:
1) Identificar o Ambiente Competitivo atual
2) Identificar Obstáculos
3) Adotar a Estratégia Adequada ao Ambiente e Obstáculos específicos
4) Estabelecer Metas Plausíveis, ajustar a Estratégia

Ou seja, os autores defendem que, antes mesmo de você desenhar sua Estratégia para alcançar suas Metas, você deve entender qual a Estratégia adequada ao Ambiente atual do seu mercado. Daí você a adapta à suas Metas específicas. Sutil! Mas muito interessante.

Saiba mais pelo twitter do autor ou nesse vídeo de palestra (inglês).

Gostei muito do livro Sua Estratégia precisa de uma Estratégia!
Merece fazer parte de meus Recomendados sobre Estratégia. Confira a lista aqui.


< / >.



   

Prêmio TopBlog 2015 - 2a Fase

   

Passamos para a 2a Fase do Prêmio TopBlog!

Já estamos entre os Top100 na categoria Economia & Negócios.

Isso graças aos seus votos na 1a Fase: muito obrigado! :)


Mais uma vez gostaria de pedir seus votos para a 2a Fase: se você acha o nosso blog legal, relevante, se já te ajudou em alguma pesquisa ou dica de livro de negócios, está aqui uma chance de retribuir.

Para votar é super simples, 3 cliques e pronto. Não precisa se cadastrar, dar email, bem mais simples que antes!

Basta clicar no link aqui ou no banner abaixo:



Agradeço muito se puder mais uma vez perder 1 minuto para votar: muito obrigado!

< / >.
   

Forbes: Os Melhores Livros de Negócios 2015

   


A Revista Forbes, divulgou sua lista de Melhores Livros de Negócios de 2015

Diferente dos anos anteriores, ao invés de formular uma lista própria, original, a Forbes resolveu fazer sua lista 'combinando' as listas do Financial Times e do 800-CEO-read e incluindo um livro (para a soma dar '15'):

(entre parêntesis os títulos da edição brasileira quando existentes)

The Rise of the Robots - Martin Ford
Martin nos mostra como a Inteligência Artificial vem substituindo o trabalho humano não apenas nas tarefas mecânicas como também nas gerenciais e decisórias, o que é assustador.

Digital Gold - Nathaniel Popper
A história do bitcoin.

How Music got Free (Como a Música ficou Grátis) - Stephen Witt
A indústria fonográfica poderia salvar-se? Ou foi vítima fatal de uma evolução tecnológica inevitável? 

Loosing the Signal - Jacquie McNish & Sean Silcoff
A história de ascensão e queda da BlackBerry, criadora do conceito de smartphone que revolucionou o mercado de celulares e nossas vidas conectadas.

Misbehaving - Richard Thaler
Mais um livro na linha da Economia Comportamental e suas surpreendentes revelações da Irracionalidade Humana.

Unfinished Business - Anne Marie Slaughter
A luta da desigualdade entre homens e mulheres no trabalho e da desigualdade entre trabalho e vida pessoal.



We Are Market Basket - Daniel Korschun & Grant Welker
A incrível história dos empregados que fazem de tudo para trazer de volta seu ex-CEO amado.

. Everybody Matters - Bob Chapman & Raj Sisodia
A experiência de liderança de Chapman como CEO da Barry-Wehmiller com seus conceitos de Moral, Lealdade, Criatividade e Alta Performance.

. How to Fly a Horse - Kevin Ashton
Para os curiosos sobre as origens da Inovação nos Negócios, o livro conta diversas histórias nos campos da medicina, ciência e tecnologia. 

. The Compass & the Nail - Graig Wilson
Uma análise de como algumas empresas podem criar lealdade rápida em seus clientes. 

. The Renevue Growth Habit - Alex Goldfayn
22 técnicas para comunicar o valor de seu produto a clientes atuais e futuros.

. Boss Life - Paul Downs
A vida vista como um pequeno empreendimento.

. Reclaiming Conversation - Sherry Turkle
Como reverter o crescimento negativo através de negociação face-a-face

. America's Bank - Roger Lowenstein
A história da criação do Federal Reserve norte-americano.

O livro adicionado, a única contribuição da Forbes para a lista é: 
. Presence - Amy Cuddy
O livro fala do Poder da Presença.

Confira detalhes dos livros nas listas originais: Financial Times & 800-CEO-read.
Veja os ganhadores em outros anos aqui.

< / >.
   

Top 10 de 2015

   

2015: "Passa a régua!"


Mais um ano se fecha e como nos anteriores, aproveitamos os primeiros dias do ano, enquanto o verniz ainda está fresquinho, no meio da ressaca de réveillon, para  AGRADECER as visitas ao blog e pelo prestígio no ano que fechou: 
- MUITO OBRIGADO!

Boa oportunidade para relembrar nossos 10 posts mais visitados no ano (considerando apenas postagens feitas em 2015).

O nosso Top 10 de 2015:


1. De Empreendedor e Louco - Linda Rottenberg (resenha)
2. A Startup Enxuta - Eric Ries (resenha)
3. Seis Regras Simples - Yves Morieux (resenha)
4. Foco - Daniel Goleman (resenha)
5. Livros Recomendados de Empreendedorismo (lista)
6. ExpoManagement 2015 (cobertura de evento)
7. Davi & Golias - Malcolm Gladwell (resenha)
8. De Zero a Um - Peter Thiel (resenha)
9. Livros Recomendados de Estratégia (lista)
10. 'The Thinkers 50' 2015 (premiação)


É isso ai!

Mais uma vez, muito obrigado por tudo em 2015 e esperamos que em 2016 continuemos a ser relevantes e úteis de alguma forma, aguardando suas bem-vindas visitas, críticas, sugestões e comentários.

-Um Feliz Ano Todo!
Que em 2016 possamos já colher um pouco do que semeamos em 2015.
Que a Sorte nunca nos abandone e que nunca nos falte o $uperfluo!
Abraços e sucessos a todos!

 < / >.